domingo, 21 de fevereiro de 2016

Ela

Parece que às vezes ela se engana, que se mata e se maltrata, que se acolhe no próprio peito e esquece as dores lembradas, parece que olha para o céu e vê passarinho, arco-íris e nuvens em forma de gato, algodão doce, parece que ela às vezes chora de saudade, chora de amor, chora por chorar, chora por dor, ela que sorri aos poucos, que se dá aos poucos, e que ama aos poucos, para aproveitar as alegrias raras, parece que ela maltrata a própria dor, que apela quando perde o jogo, que chama em voz baixa, singela, que segura na mão, que ruge de dor, que
sábado, 23 de janeiro de 2016

Death Note



Yagami Raito é um jovem estudante prodígio que leva uma vida considerada entediante ao seu ponto de vista. Isso muda quando ele encontra um estranho caderno com o título de "Death Note" no chão em um dia de 2003. No início, Raito imagina ser apenas uma brincadeira de mal gosto, mas, após testá-lo, começa a aplicar uma
sábado, 2 de janeiro de 2016

A criança cresce

"Nada como um passeio pelas terras do passado para reabrir velhas feridas."
A criança cresceu e agora cria seus próprios passarinhos. Arco-íris no horizonte enquanto pedala freneticamente. Na próxima esquina. Na próxima curva. Em algum lugar existe aquele horizonte recheado de coisas novas. Em algum lugar vai estar o meu  próximo eu, encontrado e não perdido. Pedala freneticamente enquanto lágrimas de chuva limpam seu rosto sujo de uma dor que ela nem entende. Além do horizonte tem um sol à sua espera. Corre. Corre. Corre. Talvez na próxima esquina. Talvez na próxima vida. Mas ela insiste na curva errada. No buraco na estrada. Pedala freneticamente sem se assustar com os gritos internos que ainda não consegue ouvir. Um dia a gente chega nesse outro lugar. Esse lugar que não é aqui.
domingo, 31 de maio de 2015

O doador de memórias










Autor : Lois Lowry
Editora:Arqueiro
Edição: 2014
Páginas 192


Li O Doador de Memórias, sem fazer ideia de qual seria a trama, e recomendo a todos que façam o mesmo, pois a surpresa é muito melhor. Confesso (com muita vergonha, que até hoje não tive tempo de assistir ao filme mas, já está na minha lista hehhe)... Nesse livro vemos um pouco de um mundo "perfeito" pelos olhos de um menino de 12 anos que não conhece dor, solidão, amor ou felicidade verdadeira. Sua comunidade se livrou de tudo o que fosse intenso demais, a fim de evitar quaisquer conflitos e problemas. Jonas acredita que é feliz, até que tem a oportunidade de conhecer sentimentos reais, e sua visão do mundo se altera completamente.

Jonas vive em uma sociedade perfeita. Sem sentimentos intensos, sem desigualdade, sem cores e sem dor, não existem problemas ou situações conflituosas entre seus membros, que mantêm tudo em ordem com muita dedicação, cada um desempenhando seu papel social da melhor maneira possível. Ao completar 12 anos, cada uma das crianças é indicada, em uma grande cerimônia, ao posto que deverá assumir na vida adulta, começando o treinamento para se tornar parte ainda mais ativa daquele núcleo sistemático e eficiente.

Link me

LIVROS E OUTROS AMORES

Search

Faça Parte!

thays. Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog